05/2021 - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Quem vence no Azerbaijão?

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E aí, amantes dos autinhos, vamos para a sexta etapa da Fórmula-1? Na última corrida no Azerbaijão, em 2019 (pois no ano passado a pandemia não permitiu a montagem do circuito de rua de Baku), Valtteri Bottas conquistou a pole position com a Mercedes e venceu também a prova, seguido pelo companheiro Lewis Hamilton e por Sebastian Vettel, da Ferrari.
No nosso Bolão, pequenas novidades em comparação ao bem disputado em 2020. A principal é que daremos mais importância ao primeiro lugar da corrida, passando de 25 para 30 pontos, justamente para separar mais do segundo colocado e realçar o “quem vence” do título do post. O desafio a cada prova não será mais somente com o Lewis Hamilton, que buscava o recorde de vitórias em 2020, e conseguiu, e o heptacampeonato (também conseguiu), a Ferrari, que chegava no ano passado ao seu milésimo GP e ao Kimi Raikkonen, que buscava o recorde de participação em corridas do Rubens Barrichello (também superou), mas com todos os pilotos, um em cada GP. As apostas devem ser colocadas nos comentários deste post (clicando em "Ler tudo" no fim do post) ou serem enviadas para o meu e-mail (danieldias10259@gmail.com) ou (diasaovolante@diasaovolante.com) até cinco minutos antes do início do treino de classificação no sábado. Boa sorte!  

Itens para Baku:
Pole: sobrenome do piloto - 5 pontos
Vencedor: sobrenome do piloto - 30 pontos
Segundo: sobrenome do piloto – 20 pontos
Terceiro: sobrenome do piloto – 15 pontos
Quarto: sobrenome do piloto – 10 pontos
Quinto: sobrenome do piloto – 5 pontos
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: sobrenome do piloto -  15 pontos
Melhor volta da prova: 5 pontos
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Como o Bottas foi o grande destaque da última prova em Baku, em 2019, quero saber em qual lugar o finlandês termina na prova de domingo.
Gabaritar os cinco primeiros colocados da prova: 15 pontos
Acertar os cinco primeiros da prova fora de ordem: 5 pontos

Para acompanhar ao vivo todos os lances do Azerbaijão:
Sexta-feira: primeiro treino livre, 6h30min, segundo treino livre, 10h, ambos pelo BandSports.
Sábado: terceiro treino livre, 7h, pelo BandSports, classificação, 10h, na Band e pelo BandSports.
Domingo: corrida, 9h, na Band.



O Bolão depois de Mônaco

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


O Gabriel, ao lado do Max Verstappen, foi o grande vencedor da corrida (?) de Monte Carlo e assumiu a liderança do nosso Bolão. Mas a briga tá parelhíssima com o Luiz Herrera.
E passamos o torturante GP de Mônaco, porque, salvo um incidente de percurso, como o de 1992, quando Nigel Mansell teve um pneu furado e perdeu a liderança para o Ayrton Senna, protagonizando uma sensacional disputa pela vitória nas últimas voltas da prova, não existe uma corrida propriamente dita no Principado. E mesmo naquela ocasião, com um carro duzentas vezes mais rápido, o Mansell não conseguiu passar.
Nossa próxima parada é daqui a duas semanas, no Azerbaijão.

Parâmetros utilizados no GP de Mônaco:
Pole: Leclerc
Vencedor: Verstappen
Segundo: Sainz
Terceiro: Norris
Quarto: Perez
Quinto: Vettel
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: Schumacher
Melhor volta da prova: Hamilton
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Charles Leclerc é o anfitrião da vez. Então, em qual posição o monegasco da Ferrari termina na prova de domingo? Não largou 20º

Mônaco:
1) Gabriel Dias - 65 pontos
2) Francisco Cavalin - 35 pontos
2) Natanael Felipe Rhoden - 35 pontos
2) André Borges - 35 pontos
5) Luiz Herrera - 30 pontos
5) Pedro Henrique - 30 pontos
7) Daniel Dias - 20 pontos
8) Ismael Reichert - 15 pontos
9) Daniel Cardoso - 5 pontos
10) Mauro - 0 ponto
10) Maurício Dias - 0 ponto
10) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 0 ponto

Total:
1) Gabriel Dias - 375 pontos
2) Luiz Herrera - 365 pontos
3) André Borges - 270 pontos
4) Pedro Henrique - 230 pontos
5) Francisco Cavalin - 225 pontos
6) Daniel Dias - 220 pontos
7) Ismael Reichert - 205 pontos
8) Eduardo Saraiva - 195 pontos
9) Natanael Felipe Rhoden - 185 pontos
10) Daniel Cardoso - 175 pontos
10) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 175 pontos
12) Mauro - 120 pontos
12) Marcelo Pereira - 120 pontos
14) Maurício Dias - 100 pontos



Verstappen vence em Mônaco

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·




Na corrida mais chata, pelo menos deste século, Max Verstappen ganhou neste domingo o GP de Mônaco, quinta etapa da temporada da Fórmula-1. O piloto da Red Bull se beneficiou da desistência do pole position Charles Leclerc, que teve registrado um problema no câmbio de sua Ferrari quando levava o carro para o grid de largada. Segundo a equipe italiana, não haveria tempo de sanar o problema, provavelmente ocasionado em sua batida no guard-rail na classificação de sábado. Para os alarmistas de plantão, que acusaram Leclerc de ter batido de propósito para interromper o treino, pois já tinha garantido a primeira posição na pista. Para essa turma, o monegasco “pagou” o castigo.
Vatteri Bottas foi obrigado a desistir da corrida depois que a equipe Mercedes não conseguiu tirar o pneu dianteiro direito no pit stop. Lewis Hamilton se atrasou na sua parada e perdeu duas posições, que o rebaixaram para a segunda colocação no campeonato, atrás de Verstappen. Carlos Sainz Jr. defendeu as honras da Ferrari e completou em segundo, à frente de Lando Norris e de Sergio Perez. Sebastian Vettel fez sua melhor prova na Aston Martin e terminou em quinto, seguido por Pierre Gasly e Hamilton. O heptacampeão culpou a equipe por ter se atrasado na corrida, aumentando o estresse entre ele e a Mercedes em Monte Carlo. Para o inglês, ele nunca teve um carro à altura no Principado. De qualquer jeito, Hamilton não conseguiu ganhar nenhuma posição neste domingo. No final, ele ainda parou para colocar pneus macios para ganhar o um ponto da volta mais rápida, que conseguiu.
O Mundial volta a se reunir daqui a duas semanas, nas ruas de Baku, no Azerbaijão.

Resultado final:
1) M. Verstappen - Red Bull - 1h38min56s820
2) C. Sainz Jr - Ferrari - a 8s968
3) L. Norris - McLaren - a 19s427

4) S. Perez - Red Bull - a 20s490
5) S. Vettel - Aston Martin - a 52s591
6) P. Gasly - Alpha Tauri - a 53s896
7) L. Hamilton - Mercedes - a 1min08s231
8) L. Stroll - Aston Martin - a uma volta
9) E. Ocon - Alpine - a uma volta
10) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - a uma volta

11) K. Raikkonen - Alfa Romeo - a uma volta
12) D. Ricciardo - McLaren - a uma volta
13) F. Alonso - Alpine - a uma volta
14) G. Russell - Williams - a uma volta
15) N. Latifi - Williams - a uma volta
16) Y Tsunoda - Alpha Tauri - a uma volta
17) N. Mazepin - Haas - a três voltas
18) M. Schumacher - Haas - a três voltas

19) V. Bottas - Mercedes - não complemetou
20) C. Leclerc - Ferrari - não largou

Melhor Volta - L. Hamilton - Mercedes - 1min12s909

Mundial de Pilotos 2021:
1) M. Verstappen - Red Bull - 105 pontos
2) L. Hamilton - Mercedes - 101 pontos
3) L. Norris - McLaren - 56 pontos
4) V. Bottas - Mercedes - 47 pontos
5) S. Perez - Red Bull - 44 pontos
6) C. Leclerc - Ferrari - 40 pontos
7) C. Sainz Jr - Ferrari - 38 pontos
8) D. Ricciardo - McLaren - 24 pontos
9) P. Gasly - Alpha Tauri - 16 pontos
10) E. Ocon - Alpine - 12 pontos
11) S. Vettel - Aston Martin - 10 pontos
12) L. Stroll - Aston Martin - 9 pontos
13) F. Alonso - Alpine - 5 pontos
14) Y. Tsunoda - Alpha Tauri - 2 pontos
15) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - 1 ponto
16) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 0 ponto
17) G. Russell - Williams - 0 ponto
18) N. Latifi - Williams - 0 ponto
19) M. Schumacher - Haas - 0 ponto
20) N. Mazepin - Haas - 0 ponto

Mundial de Construtores 2021:
1) Red Bull - 149 pontos
2) Mercedes - 148 pontos
3) McLaren - 80 pontos
4) Ferrari - 78 pontos
5) Aston Martin - 19 pontos
6) Alpha Tauri - 18 pontos
7) Alpine - 17 pontos
8) Alfa Romeo - 1 ponto
9) Williams - 0 ponto
10) Haas - 0 ponto



Leclerc é pole em Mônaco

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Se a Teoria da Conspiração valesse neste sábado em Mônaco, diria que Charles Leclerc bateu de propósito no final do Q3 para interromper a classificação e garantir a pole position. Mas não foi nada disso que aconteceu. O monegasco da Ferrari errou mesmo na segunda perna dos S da Piscina e provocou a bandeira vermelha, encerrando o treino. Com isso, Lewis Hamilton, que preparava uma volta rápida no final da sessão, foi obrigado a ficar com apenas a sétima posição para a largada da quinta etapa da temporada da Fórmula-1, o que é muito complicado em um circuito com esse. Max Verstappen ficou em segundo, seguido por Valtteri Bottas, Carlos Sainz Jr., Lando Norris e Pierre Gasly. Sebastian Vettel larga ao lado de Hamilton e Sergio Perez e Antonio Giovinazzi completaram os dez primeiros do grid. Mick Schumacher não pode participar da classificação porque destruiu seu carro no final do terceiro treino livre.
A corrida neste domingo está prevista para as 10h (horário do Brasil) com transmissão ao vivo da Band.

1 Leclerc, Ferrari, 1:10:346
2 Verrstappen, Red Bull, a 0:230
3 Bottas, Mercedes, a 0:255
4 Sainz Jr., Ferrari, a 0:0:265
5 Norris, McLaren, a 0::274
6 Gasly, AlphaTauri, a 0:554
7 Hamilton, Mercedes, a 0:749
8 Vettel, Aston Martin, a 1:073
9 Perez, Red Bull, a 1:227
10 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 1:433

11 Ocon, Alpine
12 Ricciardo, McLaren
13 Stroll, Aston Martin
14 Raikkonen, Alfa Romeo
15 Russell, Williams

16 Tsunoda, AlphaTauri
17 Alonso, Alpine
18 Latifi, Williams
19 Mazepin, Haas
20 Schumacher, Haas



Leclerc mais rápido em casa

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·




O monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, foi o mais rápido no primeiro dia de treinos livres para o GP de Mônaco, nesta quinta-feira, nas ruas de Monte Carlo. Aliás, a equipe italiana foi a grande protagonista da segunda sessão, com Carlos Sainz Jr. na segunda posição, seguido pelo heptacampeão e líder da temporada 2021 da Fórmula-1 Lewis Hamilton, da Mercedes. Max Verstappen, da Red Bull, foi o quarto, à frente de Valtteri Bottas, da Mercedes, e de Lando Norris, da McLaren. Sergio Perez, da Red Bull, que prometeu vitória no Principado e conseguiu o melhor tempo da primeira sessão, foi apenas o oitavo nesta quinta.
Como tudo em Mônaco é diferente, a sexta-feira será destinada para as outras categorias, especialmente para a F-2. A F-1 retorna no sábado, a partir das 7h (horário do Brasil) para o terceiro treino livre. A classificação está prevista para as 10h. A corrida se inicia no domingo também às 10h.

Segunda sessão de quinta-feira:
1 Leclerc, Ferrari, a 1:11:684
2 Sainz Jr., Ferrari, a 0:112
3 Hamilton, Mercedes, a 0:390
4 Verstappen, Red Bull, a 0:397
5 Bottas, Mercedes, a 0:423
6 Norris, McLaren, a 0:695
7 Gasly, AlphaTauri, a 0:814
8 Perez, Red Bull, a 1:024
9 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 1:062
10 Vettel, Aston Martin, a 1:298
11 Raikkonen, Alfa Romeo, a 1:381
12 Alonso, Alpine, a 1:491
13 Stroll, Aston Martin, a 1:511
14 Ocon, Alpine, a 1:515
15 Ricciardo, McLaren, a 1:573
16 Russell, Williams, a 1:825
17 Latifi, Williams, a 1:909
18 Mazepin, Haas, a 2:723
19 Schumacher, Haas, a 2:732
20 Tsunoda, AlphaTauri, a 3:145



Quem vence em Mônaco?

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


E aí, amantes dos autinhos, vamos para a quinta etapa da Fórmula-1? Pois é, já são cinco provas em 2021, o tempo passa tão rápido quanto as “baratinhas”. No ano passado, a pandemia não permitiu a realização do GP de Mônaco, porque não é fácil de se montar toda a parafernália para compor o circuito de rua de Monte Carlo. Em 2019, com a Mercedes, Lewis Hamilton foi o pole position e venceu a corrida, à frente de Sebastian Vettel, da Ferrari, e de Valtteri Bottas, também da Mercedes.
No nosso Bolão, pequenas novidades em comparação ao bem disputado em 2020. A principal é que daremos mais importância ao primeiro lugar da corrida, passando de 25 para 30 pontos, justamente para separar mais do segundo colocado e realçar o “quem vence” do título do post. O desafio a cada prova não será mais somente com o Lewis Hamilton, que buscava o recorde de vitórias em 2020, e conseguiu, e o heptacampeonato (também conseguiu), a Ferrari, que chegava no ano passado ao seu milésimo GP e ao Kimi Raikkonen, que buscava o recorde de participação em corridas do Rubens Barrichello (também superou), mas com todos os pilotos, um em cada GP. As apostas devem ser colocadas nos comentários deste post (clicando em "Ler tudo" no fim do post) ou serem enviadas para o meu e-mail (danieldias10259@gmail.com) ou (diasaovolante@diasaovolante.com) até cinco minutos antes do início do treino de classificação no sábado. Boa sorte!  

Itens para Monte Carlo:
Pole: sobrenome do piloto - 5 pontos
Vencedor: sobrenome do piloto - 30 pontos
Segundo: sobrenome do piloto – 20 pontos
Terceiro: sobrenome do piloto – 15 pontos
Quarto: sobrenome do piloto – 10 pontos
Quinto: sobrenome do piloto – 5 pontos
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: sobrenome do piloto -  15 pontos
Melhor volta da prova: 5 pontos
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – Charles Leclerc é o anfitrião da vez. Então, em qual posição o menegasco da Ferrari termina na prova de domingo?
Gabaritar os cinco primeiros colocados da prova: 15 pontos
Acertar os cinco primeiros da prova fora de ordem: 5 pontos

Para acompanhar ao vivo todos os lances do GP de Mônaco:
Quinta-feira: primeiro treino livre, 6h30min, segundo treino livre, 10h, ambos pelo BandSports.
Sábado: terceiro treino livre, 7h, pelo BandSports, classificação, 10h, na Band e pelo BandSports.
Domingo: corrida, 10h, na Band.



O Bolão depois da Espanha

Dias ao Volante
Publicado por em Bolão 2021 F1 ·


O Gabriel e o Professor brilharam na Espanha, a exemplo do Lewis Hamilton, e venceram a quarta etapa do Mundial e do Bolão. Após correções feitas nas apostas de Luiz Herrera no GP de Portugal, nosso amigo assume a liderança da competição, 25 pontos à frente do tricampeão Gabriel, com o André fechando o pódio atual do Bolão.
A próxima parada é daqui a duas semanas, em Monte Carlo.

Parâmetros utilizados no GP de Espanha:
Pole: Hamilton
Vencedor: Hamilton
Segundo: Verstappen
Terceiro: Bottas
Quarto: Leclerc
Quinto: Perez
Último colocado na corrida, entre os pilotos que completarem a prova: Mazepin
Melhor volta da prova: Verstappen
Desafio (proposto a cada prova): 10 pontos – É simples e será conhecido no sábado: o Hamilton consegue sua centésima pole position desta vez? No ano passado, ele foi o pole na Espanha. Sim

Espanha:
1) Gabriel Dias - 100 pontos
1) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 100 pontos
3) Marcelo Pereira - 95 pontos
3) Luiz Herrera - 95 pontos
3) Francisco Cavalin - 95 pontos
6) Pedro Henrique - 75 pontos
6) Eduardo Saraiva - 75 pontos
8) Daniel Cardoso - 70 pontos
8) Daniel Dias - 70 pontos
10) Maurício Dias - 65 pontos
11) André Borges - 60 pontos
11) Ismael Reichert - 60 pontos
13) Mauro - 55 pontos
14) Natanael Felipe Rhoden - 45 pontos

Total:
1) Luiz Herrera - 335 pontos
2) Gabriel Dias - 310 pontos
3) André Borges - 235 pontos
4) Daniel Dias - 200 pontos
4) Pedro Henrique- 200 pontos
6) Eduardo Saraiva - 195 pontos
7) Ismael Reichert - 190 pontos
7) Francisco Cavalin - 190 pontos
9) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 175 pontos
10) Daniel Cardoso - 170 pontos
11) Natanael Felipe Rhoden - 150 pontos
12) Marcelo Pereira - 120 pontos
12) Mauro - 120 pontos
14) Maurício Dias - 100 pontos



Hamilton vence na Espanha

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·




Em uma tática meio suicida da Mercedes, Lewis Hamilton precisou de todo o seu talento para superar Max Verstappen na pista no GP da Espanha, neste domingo, em Montmeló. No entanto, se foi perigosa, a tática da Mercedes serviu para dar alguma emoção ao sempre chato GP da Espanha disputado nesse “circuito de testes”. A equipe alemã precisou “inventar” depois que Verstappen conseguiu superar o centésimo pole Hamilton na largada. No final, o heptacampeão parou duas vezes nos boxes, trocando os pneus vermelhos pelos amarelos em ambos pit stops.
Quando voltou para a pista na última vez, Hamilton estava 22 segundos atrás do piloto da Red Bull, com Valtteri Bottas entre os dois. Aí foi a vez do palerma segundo piloto da Mercedes atrapalhar e retardar um pouco o companheiro na ultrapassagem do inglês. Mesmo assim, Hamilton continuou acelerando e conseguiu passar Verstappen bem antes do previsto. Nada mais restava ao piloto da Red Bull a não ser ir para os boxes, colocar os pneus macios e conquistar o um ponto de bonificação pela volta mais rápida da corrida.
Com a vitória de número 98 na Fórmula-1, Hamilton abriu a liderança para 14 pontos. O Mundial volta a se reunir no próximo dia 23, no GP de Mônaco, que volta ao calendário depois de estar ausente em 2020, devido à pandemia.

Resultado final:
1) L. Hamilton - Mercedes - 1h33min07s680
2) M. Verstappen - Red Bull - a 15s841
3) V. Bottas - Mercedes - a 26s610

4) C. Leclerc - Ferrari - a 54s616
5) S. Perez - Red Bull - a 1min03s671
6) D. Ricciardo - McLaren - a 1min13s768
7) C. Sainz Jr - Ferrari - a 1min14s670
8) L. Norris - McLaren - a uma volta
9) E. Ocon - Alpine - a uma volta
10) P. Gasly - Alpha Tauri - a uma volta

11) L. Stroll - Aston Martin - a uma volta
12) K. Raikkonen - Alfa Romeo - a uma volta
13) S. Vettel - Aston Martin - a uma volta
14) G. Russell - Williams - a uma volta
15) A. Giovinazzi - Asfa Romeo - a uma volta
16) N. Latifi - Williams - a uma volta
17) F. Alonso - Alpine - a uma volta
18) M. Schumacher - a dua volta
19) N. Mazepin - Haas - a duas voltas

20) Y. Tsunoda - Alpha Tauri - não completou

Melhor Volta - M. Vertappen - Red Bull - 1min18s149

Mundial de Pilotos 2021:
1) L. Hamilton - Mercedes - 94 pontos
2) M. Verstappen - Red Bull - 80 pontos
3) V. Bottas - Mercedes - 47 pontos
4) L. Norris - McLaren - 41 pontos
5) C. Leclerc - Ferrari - 40 pontos
6) S. Perez - Red Bull - 32 pontos
7) D. Ricciardo - McLaren - 24 pontos
8) C. Sainz Jr - Ferrari - 20 pontos
9) E. Ocon - Alpine - 10 pontos
10) P. Gasly - Alpha Tauri - 8 pontos
11) L. Stroll - Aston Martin - 5 pontos
12) F. Alonso - Alpine - 5 pontos
13) Y. Tsunoda - Alpha Tauri - 2 pontos
14) K. Raikkonen - Alfa Romeo - 0 ponto
15) A. Giovinazzi - Alfa Romeo - 0 ponto
16) S. Vettel - Aston Martin - 0 ponto
17) G. Russell - Williams - 0 ponto
18) M. Schumacher - Haas - 0 ponto
19) N. Latifi - Williams - 0 ponto
20) N. Mazepin - Haas - 0 ponto

Mundial de Construtores 2021:
1) Mercedes - 141 pontos
2) Red Bull - 112 pontos
3) McLaren - 65 pontos
4) Ferrari - 60 pontos
5) Alpine - 15 pontos
6) Alpha Tauri - 10 pontos
7) Aston Martin - 5 pontos
8) Alfa Romeo - 0 ponto
9) Williams - 0 ponto
10) Haas - 0 ponto



Hamilton crava a centésima pole

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Foi na primeira tentativa no Q3 neste sábado na Espanha. Lewis Hamilton conquistou sua centésima pole position na Fórmula-1. E a primeira, como não poderia ser diferente, foi mais do que suficiente. Na segunda, nem Hamilton, nem Valtteri Bottas, nem Max Verstappen conseguiram melhorar seus tempos. Visivelmente emocionado e como não a acreditar no feito que tinha terminado de conseguir, Hamilton caminhou pela frente de toda a Mercedes e cumprimentou todos os integrantes da equipe, um por um. Outro gesto bonito foi o cumprimento de Bottas e de Verstappen para Hamilton, assim que o heptacampeão deixou a Mercedes de número 44.
Na entrevista pós-treino, Hamilton brincou com o entrevistador, o espanhol Pedro de la Rosa, seu amigo:

- Estamos ficando velho, né, Pedro? Mas quase não acredito ter chegado a cem poles positions. Pedi para a equipe modificar algumas coisas no carro depois do terceiro treino livre, e deu certo.
Como esse circuito quase não permite ultrapassagem, Hamilton praticamente encaminhou sua vitória de número 98. A largada do GP da Espanha, quarta etapa do Mundial, está prevista para as 10h (horário do Brasil) deste domingo.

Resultado da Classificação:
1 Hamilton, Mercedes, 1:16:741
2 Verstappen, Red Bull, a 0:036
3 Bottas, Mercedes, a 0:132
4 Lecler, Ferrari, a 0:769
5 Ocon, Alpine, a 0:839
6 Sainz Jr., Ferrari, a 0:879
7 Ricciardo, McLaren, a 0:881
8 Perez, Red Bull, a 0:960
9 Norris, McLaren, a 1:269
10 Alonso, Alpine, a 1:406

11 Stroll, Aston Martin
12 Gasly, AlphaTauri
13 Vettel, Aston Martin
14 Giovinazzi, Alfa Romeo
15 Russell, Williams

16 Tsunoda, AlphaTauri
17 Raikkonen, Alfa Romeo
18 Schumacher, Haas
19 Latifi, Williams
20 Mazepin, Haas



Hamilton mais rápido na Espanha

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Na pista de testes de Montmeló, na Espanha, Lewis Hamilton foi o mais rápido do dia nesta sexta-feira, com o companheiro de Mercedes Valtteri Bottas em segundo, à frente de Charles Leclec, da Ferrari, e das duas Alpine, de Esteban Ocon e Fernando Alonso, um dos “donos da casa” da quarta etapa da Fórmula-1. O outro, Carlos Sainz Jr., da Ferrari, foi apenas o oitavo. Mas todos os tempos ficaram próximos na segunda sessão em Barcelona. Max Verstappen, da Red Bull, foi a surpresa negativa da sessão, ficando em nono lugar, uma posição à frente do companheiro Sergio Perez. O tetracampeão Sebastian Vettel foi mais rápido mais uma vez que seu companheiro de Aston Martin Lance Stroll.
No entanto, é esperada uma briga mais intensa entre as Mercedes e as Red Bull neste sábado, no terceiro treino livre e na classificação, prevista para as 10h (horário brasileiro), mesmo da corrida no domingo.

Segunda sessão de sexta:
1 Hamilton, Mercedes, 1:19:170
2 Bottas, Mercedes, a 0:139
3 Leclerc, Ferrari, a 0:165
4 Ocon, Alpine, a 0:296
5 Alonso, Alpine, a 0:348
6 Gasly, AlphaTauri, a 0:423
7 Tsunoda, AlphaTauri, a 0:449
8 Sainz Jr., Ferrari, a 0:504
9 Verstappen, Red Bull, a 0:515
10 Perez, Red Bull, a 0:748
11 Vettel, Aston Martin, a 0:777
12 Norris, McLaren, a 0:922
13 Giovinazzi, Alfa Romeo, a 0:952
14 Stroll, Aston Martin, a 0:964
15 Ricciardo, McLaren, a 1:025
16 Raikkonen, Alfa Romeo, a 1:043
17 Russell, Williams, a 1:787
18 Latifi, Williams, a 1: 876
19 Schumacher, Haas, a 2:156
20 Mazepin, Haas, 2:583




Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal