O Bolão depois do Japão - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

O Bolão depois do Japão

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·

Pois é, depois da bela vitória de Nico Rosberg em Suzuka, porque o alemãozinho não tem nada a ver com os problemas do Lewis Hamilton (ou tem?), a parada aqui no nosso Bolão se encaminha para a decisão a passos largos, como o filho do Keke mira cada vez mais de perto seu primeiro título na Fórmula-1.
Campeão do ano passado, o Natanael, ao lado do Nico, foi o grande vencedor da etapa japonesa e assumiu o segundo lugar do Bolão. Ainda líder e segundo colocado na etapa ao lado do meu xará Cardoso e do André Borges, o Gabriel começa a enxergar o caneco. Mas a disputa aqui está mais acirrada do que na F-1.

Parâmetros utilizados para o GP do Japão:
Pole: sobrenome do piloto - ROSBERG
Segundo do grid: sobrenome do piloto - HAMILTON
Vencedor: sobrenome do piloto - ROSBERG
Equipe com mais pontos na etapa: nome da equipe - MERCEDES
Melhor equipe, fora de Mercedes e Ferrari, classificada no final da prova. Pode até essa equipe ser a vencedora da etapa. Vale só o piloto mais bem classificado dessa equipe na prova: RED BULL
Segundo colocado da prova: sobrenome do piloto - VERSTAPPEN
Terceiro colocado da prova: sobrenome do piloto - HAMILTON
Quarto colocado da prova: sobrenome do piloto - VETTEL
Quinto colocado da prova: sobrenome do piloto - RAIKKONEN
Piloto com mais voltas na liderança: sobrenome do piloto - ROSBERG
Volta mais rápida da prova: sobrenome do piloto - VETTEL
Último colocado da prova (segundo a cronometragem oficial da FIA): sobrenome do piloto - WEHRLEIN

Japão:
1) Natanael Felipe Rhoden - 52 pontos
2) Gabriel Dias - 47 pontos
2) Daniel Cardoso - 47 pontos
2) André Borges - 47 pontos
5) Francisco Cavalin - 32 pontos
5) Luis Mauro Gonçalves Rosa - 32 pontos
7) Eduardo Saraiva - 27 pontos
8) Pedro Henrique - 22 pontos
9) Romário Braga - 20 pontos
10) Maurício Dias - 17 pontos
11) Mauro - 15 pontos
12) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 10 pontos
12) Daniel Dias - 10  pontos
12) Luiz Carlos Herrera - 10 pontos
15) Matteus Saldanha - 0 ponto
15) Ítalo Duarte - 0 ponto
15) Marcelo Vieira - 0 ponto
15) Juliano Schuler - 0 ponto
15) Marcelo Farias Pereira - 0 ponto
15) Ernani Leonel Muzell - 0 ponto

Total:
1) Gabriel Dias - 704 pontos
2) Natanael Felipe Rhoden - 681 pontos
3) Daniel Cardoso - 677 pontos
4) Francisco Cavalin - 671 pontos
5) Luis Mauro Gonçalves Rosa - 618 pontos
6) Marcelo Farias Pereira - 597 pontos
7) Mauro - 573 pontos
8) Luiz Carlos Herrera - 555 pontos
9) Daniel Dias - 524 pontos
10) Maurício Dias - 495 pontos
11) André Borges - 464 pontos
12) Matteus Saldanha - 437 pontos
13) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 434 pontos
14) Eduardo Saraiva - 380 pontos
15) Marcelo Vieira - 308 pontos
16) Pedro Henrique - 267 pontos
17) Romário Braga - 239 pontos
18) Juliano Schuler - 149 pontos
19) Ítalo Duarte - 27 pontos
20) Ernani Leonel Muzell - 0 ponto



3 comentários
Média dos votos: 130.0/5
Daniel Dias
2016-10-12 01:01:57
Campeão, tu estás absolutamente certo. Mas como até a Mercedes erroo "botando fogo" no motor do Hamilton na Malásia, podemos errar também... hehehe
Mas já tá corrigido. Abração.
Natanael Felipe Rhoden
2016-10-10 22:02:00
Daniel, na verdade eu fiz 52 pontos, confere aí com minhas apostas. Acertei pole, segundo do grid, vencedor, quinto colocado na prova, equipe com mais pontos, equipe fora Mercedes e Ferrari e piloto com maior número de voltas na liderança. Nessa hora 5 pontos fazem diferença
Natanael Felipe Rhoden
2016-10-10 02:52:59
Amigos. Fiz 52 pontos. Acertei a pole, segundo do grid, vencedor, quinto colocado, equipe com mais pontos, equipe fora Mercedes e Ferrari, piloto com maior número de voltas na liderança

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal