Piquet faz 65 anos! - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Piquet faz 65 anos!

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·

Nelson Piquet Souto Maior completou 65 anos nesta quinta-feira, ele que é de 1952, apenas dois anos após o início do Mundial de Fórmula-1. Sempre gostei do Piquet como piloto e como pessoa. Sou um dos poucos jornalistas que nunca tiveram qualquer problema com o tricampeão, um confesso avesso à imprensa. Muito pelo contrário, sempre tive a melhor relação com o cara!
Qual é o motivo disto? Não, não é devido ao meu reconhecido charme. É porque entendo de automobilismo. E o Piquet respeita quem entende do assunto. Lembro só de dois episódios em que estive com ele, sem contar todos os anos no GP do Brasil, em Interlagos.
O primeiro foi quando ele completou 50 anos. Eu trabalhava no jornal e fiz uma longa entrevista com o tricampeão, muito provavelmente, o piloto mais inventivo que a F-1 já teve, sem contar que ele guiava muito. Muito mesmo! Conversamos por mais de meia hora, com muitas gargalhadas de ambos em meio a perguntas sérias e outras nem tanto.
Na outra vez, quando o Piquet enviou um convite, não para o jornal, mas endereçado especialmente a mim, para fazer a cobertura de uma das etapas da F-3 Inglesa de 2003, em Oxford, na qual estaria um de seus filhos, o Nelsinho. Enquanto fui de avião de carreira para a Inglaterra, o Piquet foi pilotando seu próprio jatinho. Lá, privamos de bons papos, não apenas sobre automobilismo.
Parabéns, Nelson! Você está na história da F-1, como um dos grandes, como seu amigo de sempre, o Niki Lauda.



3 comentários
Média dos votos: 130.0/5
Daniel Dias
2017-08-21 22:59:30
Pois, Matteus, a ideia do livro está sempre presente. Qualquer hora, começo a escreve-lo. Vou pegar esta entrevista com o Piquet e te passo. Obrigado pelos elogios!
Nata, mais Nelson Piquet, impossível, mesmo. É O Cara!
Natanael Felipe Rhoden
2017-08-21 13:14:54
Piquet sempre foi um gênio das pistas, pois além do piloto que era também era um exímio conhecedor de mecânica. A ultrapassagem por fora sobre Senna na Hungria, passar por cima de Mansell na Williams mesmo com a equipe inglesa trabalhando pro inglês, desenvolver o sistema de suspensão ativa são só algumas das lembranças que tenho do tri-campeão de F1. E uma das frases que vi em algum vídeo e que me marcou muito é quando alguém faz a pergunta: "Nelson, a quem vcoê dedica esse título?" Resposta: Eu dedico a mim mesmo. Mais Nelson impossível.
Matteus Saldanha
2017-08-19 12:18:10
Caramba!!! Que história Daniel! Incrivel mesmo, que foda! Viajando no jatinho do mito, e ainda por cima teve a oportunidade de uma entrevista exclusiva! Tem como me mandar o texto dessa entrevista???

Você devia escrever um livro Daniel, com todas as suas histórias e experiencia na formula 1

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal