Leclerc vence na Itália - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Leclerc vence na Itália

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·





Charles Leclerc, da Ferrari, tira a seca de 10 anos sem a Ferrari subir no lugar mais alto do pódio e conquista a sua segunda vitória seguida.
Na largada Lewis Hamilton, da Mercedes, largou bem, mas o monegasco se defendeu com maestria e deixou o pentacampeão inglês para o Valtteri Bottas, da Mercedes.
A esperada corrida de recuperação do Max Verstappen, da Red Bull, que largava de último, se envolveu em confusão na largada e foi obrigado trocar o bico, mesmo assim conseguiu chegar em oitavo.
Sebastian Vettel, da Ferrari, mais uma vez não estava em seu dia e rodou sozinho na sexta volta, quando tentava iniciar a aproximação para o Bottas. Ao retornar para a pista de forma displicente acabo colidindo contra o Lance Stroll, da Racing Point, e teve que trocar o bico. O tetracampeão alemão acabou sendo punido com o Stop/Go de 10 segundos, com a corrida toda comprometida, cruzou a linha de chegada apenas em 13º. Na ocasião, Stroll chamou o Vettel de maluco, porém ele fez a mesma coisa ao ser tocado, voltou para a pista e quase colidiu no Pierre Gasly, da Toro Rosso.
A Mercedes tentou de todas as formas superar o Leclerc, primeiro com o talento fora do comum de Hamilton que chegou a ser forçado a tirar o carro para fora da pista pelo o monegasco, onde não houve investigação. Lewis não desistiu e pressionou até forçar o erro do carro vermelho de número 16 que passou reto na primeira chicane e retornou em primeiro, também sem investigação. Algumas voltas depois, Hamilton acabou errando, também na primeira chicane, e perdeu a segunda posição para o seu companheiro de equipe. Com isso, foi a vez do Bottas ir para cima o moleque da Ferrari, porém errou na duas aproximações mais fortes que teve e finalizou em segundo mesmo.
Parabéns novamente ao Charles que, assim como na Bélgica, fez uma pilotagem de gente grande e superou a pressão da Mercedes.
Outro destaque da prova vai para a Renault que completou em 4º e 5º, com Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg, respectivamente.
A próxima prova será daqui a duas semanas em Cingapura.

Resultado final do GP da Itália:
1) C. Leclerc – Ferrari – 1h15min26s665
2) V. Bottas – Mecedes – a 0s835
3) L. Hamilton – Mercedes – a 35s199

4) D. Ricciardo – Renault – a 45s515
5) N. Hulkenberg – Renault – a 58s165
6) A. Albon – Red Bull – a 59s315
7) S. Perez – Racing Point – a 1min13s802
8) M. Verstappen – Red Bull – a 1min14s492
9) A. Giovinazzi – Alfa Romeo – a uma volta
10) L. Norris – McLaren – a uma volta

11) P. Gasly – Toro Rosso – a uma volta
12) L. Stroll – Racing Point – a uma volta
13) S. Vettel – Ferrari – a uma volta
14) G. Russell – Williams – a uma volta
15) K. Raikkonen – Alfa Romeo – a uma volta
16) R. Grosjean – Haas – a uma volta
17) R. Kubica – Williams – a duas voltas

18) K. Magnussen – Haas – não completou
19) D. Kvyat – Toro Rosso – não completou
20) C. Sainz Jr – McLaren – não completou

Piloto do Dia – C. Leclerc – Ferrari
Volta mais Rápida – L. Hamilton – Mercedes – a 1min21s779

Mundial de Pilotos 2019:
1) L. Hamilton – 284 pontos
2) V. Bottas – 221 pontos
3) M. Verstappen – 185 pontos
4) C. Leclerc – 182 pontos
5) S. Vettel – 169 pontos
6) P. Gasly – 65 pontos
7) C. Sainz Jr – 58 pontos
8) D. Ricciardo – 34 pontos
9) A. Albon – 34 pontos
10) D. Kvyat – 33 pontos
11) N. Hulkenberg – 31 pontos
12) K. Raikkonen – 31 pontos
13) S. Perez – 27 pontos
14) L. Norris – 25 pontos
15) L. L. Stroll – 19 pontos
16) K. Magnussen – 18 pontos
17) R. Grosjean – 8 pontos
18) A. Giovinazzi – 3 pontos
19) R. Kubica – 1 ponto
20) G. Russell – 0 ponto

Mundial de Construtores 2019:
1) Mercedes – 505 pontos
2) Ferrari – 351 pontos
3) Red  Bull – 266 pontos
4) McLaren – 83 pontos
5) Renault – 65 pontos
6) Toro Rosso – 51 pontos
7) Racing Point – 46 pontos
8) Alfa Romeo – 34 pontos
9) Haas – 26 pontos
10) Williams – 1 ponto



1 comentário
Média dos votos: 110.0/5
Natanael Felipe Rhoden
2019-09-09 20:32:19
Enquanto Leclerc chegou e vai colocando Vettel no bolso e deixando o tetracampeão em eterna má fase junto a Ferrari em 2019. Já o Bottas? Bom, esse só renovou por que com o carro que tem ainda faz o básico, marcar pontos pro time, ir ao pódio, não incomodar o Hamilton, pois ontem tinha tudo pra vencer e não o fez por na maior aproximação errar nas duas. Renault fez uma excelente prova em Monza. Mas a bizarrice do fim do Q3 no treino oficial é digna de comédia. Se amarraram tanto pra não serem o primeiro a puxar a fila que nem a segunda tentativa conseguiram. Daqui a pouco vão sugerir pra Monza o Q3 com uma volta lançada pra cada e sozinho na pista.

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal