O Bolão depois do México - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

O Bolão depois do México

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·


Ufa! Depois da chegada de filme, com as diabruras feitas por Max Verstappen, culminando com sua vexatória punição transmitida ao vivo pela TV, a Fórmula-1 parte para as duas corridas finais do campeonato, com Nico Rosberg ainda com a faca e o queijo na mão para levantar o título. E as chances de o alemão conquistar o título em Interlagos não são pequenas. O retrospecto mostra duas vitórias do alemão na pista paulista com ele e o Lewis Hamilton correndo pela Mercedes e pelo fato de que o tricampeão jamais ter vencido em Interlagos, apesar de ter disso campeão, em 2008, aqui.
No Bolão, o grande Luiz Herrera foi o vencedor no Hermanos Rodrigues, ao lado do Hamilton. O Gabriel manteve a ponta, com Natanael em segundo, Francisco em terceiro, Daniel Cardoso em quarto e Herrera em quinto. A coisa ainda tá em aberto. O site Dias ao Volante e o Blog da F-1 se preparam agora para a cobertura do GP do Brasil, com todos os bastidores da decisão.

Parâmetros utilizados para o GP do México:
Dois restantes da Dança das Cadeiras do treino de classificação:
Pole: sobrenome do piloto - HAMILTON
Segundo do grid: sobrenome do piloto - ROSBERG
Vencedor: sobrenome do piloto - HAMILTON
Equipe com mais pontos na etapa: nome da equipe - MERCEDES
Melhor equipe, fora de Mercedes e Ferrari, classificada no final da prova. Pode até essa equipe ser a vencedora da etapa. Vale só o piloto mais bem classificado dessa equipe na prova: RED BULL
Segundo colocado da prova: sobrenome do piloto - ROSBERG
Terceiro colocado da prova: sobrenome do piloto - VETTEL
Quarto colocado da prova: sobrenome do piloto - RICCIARDO
Quinto colocado da prova: sobrenome do piloto - VERSTAPPEN
Piloto com mais voltas na liderança: sobrenome do piloto - HAMILTON
Volta mais rápida da prova: sobrenome do piloto - RICCIARDO
Último colocado da prova (segundo a cronometragem oficial da FIA): sobrenome do piloto – WEHRLEIN

México:
1) Luiz Carlos Herrera - 92 pontos
2) André Borges - 90 pontos
3) Mauro - 82 pontos
4) Natanael Felipe Rhoden - 80 pontos
5) Romário Braga - 75 pontos
6) Gabriel Dias - 72 pontos
7) Luis Mauro Gonçalves Rosa - 67 pontos
8) Marcelo Farias Pereira - 62 pontos
9) Francisco Cavalin - 55 pontos
10) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 52 pontos
11) Daniel Dias - 50 pontos
12) Eduardo Saraiva - 47 pontos
12) Daniel Cardoso - 47 pontos
12) Maurício Dias - 47 pontos
15) Matteus Saldanha - 0 ponto
15) Ítalo Duarte - 0 ponto
15) Marcelo Vieira - 0 ponto
15) Juliano Schuler - 0 ponto
15) Pedro Henrique - 0 ponto
15) Ernani Leonel Muzell - 0 ponto

Total:
1) Gabriel Dias - 858 pontos
2) Natanael Felipe Rhoden - 828 pontos
3) Francisco Cavalin - 801 pontos
4) Daniel Cardoso - 791 pontos
5) Luiz Carlos Herrera - 734 pontos
6) Mauro - 727 pontos
7) Marcelo Farias Pereira - 726 pontos
8) Luis Mauro Gonçalves Rosa - 705 pontos
9) Daniel Dias - 631 pontos
10) Maurício Dias - 619 pontos
11) André Borges - 607 pontos
12) Mário Gayer do Amaral (Professor) - 511 pontos
13) Eduardo Saraiva - 487 pontos
14) Matteus Saldanha - 437 pontos
15) Romário Braga - 379 pontos
16) Marcelo Vieira - 308 pontos
17) Pedro Henrique - 307 pontos
18) Juliano Schuler - 149 pontos
19) Ítalo Duarte - 27 pontos
20) Ernani Leonel Muzell - 0 ponto



Sem comentários

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal