O garoto de dupla nacionalidade - Blog da Fórmula-1 de Daniel Dias - Dias ao Volante

Ir para o conteúdo

Menu principal:

O garoto de dupla nacionalidade

Dias ao Volante
Publicado por em F-1 ·

Pascal Wehrlein, da Manor, completa nesta terça-feira 22 anos de idade. O sempre sisudo piloto ligado à Mercedes-Benz nasceu no dia 18 de outubro de 1994 em Sigmaringa, distrito de Sigmaringen, na Alemanha, e tem dupla nacionalidade – alemã e maurícia – por ser filho de pai germânico e de mãe natural das Ilhas Maurício, situadas no Oceano Índico a leste de Madagascar (África). No entanto, Pascal corre pela Alemanha.
Como quase 100% dos pilotos da Fórmula-1, Wehrlein começou no kart, correndo de 2005 a 2009. Em 2010, começou na Fórmula ADAC Masters. Na segunda temporada na categoria, conquistou o título com sete vitórias em 24 etapas.
Em 2012, Pascal foi para F-3 Europeia. Em novembro daquele ano, competiu na famosa prova de Macau, terminando em quinto, a 3,4 segundos do vencedor, o português Antonio Félix da Costa, atualmente da Escola de Pilotos da Red Bull.
Em 2013, Wehrlein continuou na F-3 Europeia, mas apenas em três corridas, passando para o DTM, em substituição ao alemão Ralf Schumacher, irmão do lendário heptacampeão da F-1. Ralf desistiu de ser piloto para se dedicar à direção da Mercedes no DTM. No ano seguinte, Pascal venceu sua primeira prova na prestigiada categoria de Turismo alemã.
Em 2015, conseguiu cinco pódios no DTM, sendo o mais regular do ano e conquistando o campeonato. Antes, em 2014, Wehrlein foi anunciado como piloto de testes da equipe Mercedes da F-1. Participou em treinos de pré-temporada em 2015 em Barcelona, testando com a Mercedes e a Force India.
Pascal Wehrlein deve permanecer mais um ano na Manor, mas pode ser o próximo piloto titular da Mercedes, provavelmente no lugar de Nico Rosberg depois de 2018.



2 comentários
Média dos votos: 120.0/5
Daniel Dias
2016-11-20 19:50:22
Pois é, será naturalmente alçado para a Mercedes. Só não se sabe no lugar de quem. Ou o Rosberg será chutado em 2018 ou o Hamilton se enche o saco e vai embora.
Matteus Saldanha
2016-11-20 19:50:01
Por ser alemão, é provável que seja alçado a Mercedes mesmo, além da forte ligação com a equipe

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal